Resenha: Não se iluda, não (Isabela Freitas)

Minha nota: ☆☆
Nome: Não se iluda, não
Autor(a): Isabela Freitas
Editora: Intrínseca

Isabela Freitas voltou com tudo na continuação de Não se apega, não. No seu segundo livro, Não se iluda, não, é narrado mais um capítulo da conturbada personagem Isabela. Que maré de azar é esse que a coitadinha vive, hein?

Nessa nova fase, Isabela resolve criar um blog anônimo para que ele sirva de diário. A princípio ela acha que tudo ficará apenas para ela e que ninguém vai visitar sua página, mas é aí que ela se engana! 

Até a metade do livro, a história se passa na Costa do Sauípe (Bahia) e a Isabela está lá de férias com seus amigos da faculdade de direito. Tudo o que ela quer é que a viagem dê certo. Mas se tratando da Isa? Será que o certo rola? Hum... acho que não.

Isa, Amanda e Nataly dividem um quarto num dos 5 hotéis da Costa do Sauípe. Ah!, a Nataly é a prima da Isabela, de 19 anos, que ela não suporta. Ela é daquelas garotas no estilo da Marina, sabe? Pois bem, falando em Marina... ela também está passando as férias ali (para desgosto de todos).

Em uma noite que Isa tanto sonha, ela vai ao show do OneRepublic com seu melhor amigo Pedro. Os dois são super fãs da banda e vivem um dos melhores dias de suas vidas. Para finalizar com chave de ouro, a Isa ainda encontra um cara gatíssimo (louro, barriga tanquinho, olhos castanhos), que se chama Gabriel, e os dois se enrolam num beijo antes dela entrar no quarto para consolar sua melhor amiga que estava triste por seu namorado ter terminado com ela.

Mas como todos sabemos, nada acontece sem uma consequência drástica na vida da Isabela, não é? Ela descobre no outro dia, que o irmão (muito odiado) do Pedro também está passando as férias na Costa do Sauípe. E adivinhem o nome dele?

Isabela fica totalmente sem saber o que fazer. Será que seria uma traição em relação ao seu melhor amigo? Mas ela nem tinha culpa daquela coincidência hilária na sua vida. E agora? Bom, como sempre ela toma o caminho que trará mais consequências ruins para si.

É claro que o roteiro do Filme da Isabela não tem controle nenhum e ela acaba descobrindo que, às vezes, o ideal nem sempre é o que ela quer. Ela começa a duvidar dos seus sentimentos e no fim sabe o que fazer. Ela não quer o ideal, quer seguir o seu coração. E então ela acaba se entregando de corpo e alma para o que seu coração deseja, mas isso acaba tocando algumas pessoas que se revoltam contra ela.

Com o blog no auge, Isabela também está prestes a realizar um dos seus maiores sonhos. Publicar um livro! Com tanta gente acessando seus textos, uma das maiores editoras do Brasil resolveu entrar em contato e convidá-la para publicar seu primeiro livro.

Não se iluda, não é um livro muito fofinho, além de super rápido de ler. É uma leitura bem calma e sem necessidade de uma atenção redobrada. A história flui muito facilmente e de repente o livro já se foi! Quanto a escrita, posso dizer que a Isabela se superou em relação ao primeiro livro. Sua narrativa está bem melhor e os diálogos nem se fala! A história ficou muito mais gostosa de ser devorada.

Sem contar que, se você é uma pessoa que se ilude muito facilmente, este livro é definitivamente para você! Vamos colocar os pezinhos no chão e parar de andar nas nuvens? Vamos ler Não se iluda, não e deixar a ilusão um pouco de lado da nossa vida? Vamos sim!
Sonhar não é a mesma coisa que se iludir. O sonho empurra você na direção dos seus objetivos. A ilusão paralisa, porque faz você acreditar que já chegou lá.

Compartilhe

Sobre Marlon Gonçalves

Tenho apenas 19 aninhos e ainda não li nem metade dos livros que quero ler na vida. Acho que é um mal que todos os leitores sofrem. Sou apaixonado por séries, amo escrever várias coisas: livros, poemas, contos, frases e textos para o Tumblr. Vida social? Escolhi não ter...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 comentários:

  1. Gostei bastante da sua resenha falou muito bem sobre o livro e mando a real sobre ele gostei muito e phó o livro da Isabela F. foi muito bom.

    ResponderExcluir